Chico Ferreira

Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 29 de julho de 2015

SECRETÁRIO DE CULTURA É PARABENIZADO PELA ORGANIZAÇÃO DA FESTA DO VAQUEIRO


O  secretário  de  cultura  de  Sobradinho,  Téo Mossoró  é  parabenizado  pela  comunicadora  Maria  Helena,  pela  organização  da  festa  do  vaqueiro. O vento    é  uma tradição  em  Sobradinho  e  a  secretaria  de  cultura,  está  padronizando  tudo  dentro  dos  conformes. Para Helena,  o  prefeito  Luiz Vicente  e  o  secretário Téo  Mossoró   estão  de  parabéns  pela  organização da  festa  do  vaqueiro. 

SALMO 12 PARA SUA MEDITAÇÃO





 1 Salva-nos, ó SENHOR Deus, pois já não há mais pessoas de confiança, e os que são fiéis a ti desapareceram da terra.
 2 Todos dizem mentiras uns aos outros; um engana o outro com bajulações.
 3 Ó SENHOR, faze com que esses bajuladores se calem! Fecha a boca dessa gente convencida.
 4 Eles dizem: "Com as nossas palavras venceremos; ninguém vai tapar a nossa boca. Quem é que manda em nós?"
 5 Mas o SENHOR Deus diz: "Agora eu vou agir porque os necessitados estão sendo oprimidos, e os perseguidos gemem de dor. Eu lhes darei a segurança que tanto esperam."
 6 As promessas do SENHOR merecem confiança; elas são como a prata pura, refinada sete vezes no fogo.
 7 Ó SENHOR Deus, guarda-nos sempre bem protegidos e livra-nos dos maus,
 8 pois eles andam por toda parte, e todas as pessoas dão valor àquilo que é mau.

Pesquisa aponta alta aprovação de Neto na prefeitura e vitória no 1º turno em 2016


Pesquisa aponta alta aprovação de Neto na prefeitura e vitória no 1º turno em 2016


A gestão do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), tem aprovação de 82% da população, de acordo com pesquisa feita pelo Instituto Paraná Pesquisas e divulgada pelo Correio nesta quarta-feira (29). A pesquisa aponta que, além de superar as expectativas de 58,3% dos entrevistados, Neto tem aprovação superior a 80% em quatro recortes: sexo, idade, escolaridade e classe social - a única exceção está entre pessoas das classes D e E, em que a aprovação cai para 69,6%. A faixa também é a que tem o maior índice de reprovação, com 30,4%. A pesquisa ainda aponta que Neto venceria as eleições de 2016 no primeiro turno, com folga, em cenários contra Nelson Pelegrino ou Jaques Wagner (ambos do PT), Lídice da Mata (PSB), Alice Portugal (PCdoB) e Antônio Brito (PTB). O grau de confiança da pesquisa é de 95%.

PREFEITO E VICE DO MUNICÍPIO DE ABARÉ SÃO AFASTADOS


Decisão da Justiça eleitoral afastou o prefeito de Abaré Benedito Pedro da Cruz e a vice Margarete Rodrigues da Silva, temporariamente. O afastamento ocorreu na esfera eleitoral por ato de conduta vedada a agente público na eleição de 2012, com isso assumirá o município de Abaré momentaneamente, o presidente da Câmara de Vereadores, Cícero Rumão Gomes Marinheiro. A situação de instabilidade que já ocorrera na gestão anterior tendo em vista que o município já passou por situação semelhante, volta a se repetir agora com as indefinições que se apresentam com o afastamento do Chefe do Executivo Municipal.

EDITORIAL: ADVERSÁRIOS ESTÃO PREOCUPADOS COM A REELEIÇÃO DE LUIZ VICENTE

Adversários de  Luiz Vicente, estão  preocupados  com  a sua reeleição. O  prefeito  de  Sobradinho   Por  o  outro lado  continua  desenvolvendo  um  bom  trabalho,  isso  é   o  que  mais  importante. Se  as  eleições  fossem  hoje  Vicente  teria  uma  boa  aceitação  por  parte  da  população,  isso  tem   preocupado  os  seus  opositores. O  gestor  Sobradinhense encontrou  o  município  com  muitas  dificuldades,  salários    e  décimo  terceiro  atrasados,  e  a  prefeitura  sem  credibilidade  perante  aos  fornecedores. Atualmente  os  prestadores,  fornecedores e  funcionários  recebem  os  seus  pagamentos  em  dia. Essa  é  uma  das  virtudes  do  prefeito  Luiz Vicente,  por  isso  a  população  de  Sobradinho  continua  dando  aval  à  sua  administração. (Texto: Maria Helena)

Datena diz que será candidato a prefeito de São Paulo

O apresentador do programa “Brasil Urgente” será cabeça de chapa da sigla e, por enquanto, o acerto é que o deputado Delegado Olim (PP) seja seu vice

Datena disse que, se candidato, não se submeteria aos truques de marqueteiros / Foto: Carolina Távora/ Bandeirantes

Datena disse que, se candidato, não se submeteria aos truques de marqueteiros

Cortejado por três partidos, o jornalista José Luiz Datena decidiu ser candidato a prefeito de São Paulo pelo PP. O pacto foi selado na noite desta terça-feira (28).
O apresentador do programa “Brasil Urgente” será cabeça de chapa da sigla e, por enquanto, o acerto é que o deputado Delegado Olim (PP) seja seu vice.
À reportagem, Datena não quis dar detalhes sobre a negociação. Questionado sobre o que foi preponderante para tomar a decisão disse que “não se sentiu usado” pelo PP. “Eles fizeram uma proposta honesta, direta e reta. Eu não me senti usado. Simples assim”, afirmou.
A informação de que o jornalista havia decidido concorrer foi antecipada pelo colunista do Uol, Flávio Ricco. Na semana passada, reportagem da Folha de S.Paulo mostrou que PSDB, PSB e PP pleiteavam a filiação de Datena.
Depois que as negociações com as siglas foram reveladas, em entrevista à colunista de TV do jornal, Lígia Mesquita, Datena disse que, se candidato, não se submeteria aos truques de marqueteiros.
“Não sou produto de marketing. Sou um cara estourado. Se um dia me aventurasse, seria o que sou mesmo, não mudaria em nada.”
A entrada de Datena na corrida eleitoral muda o cenário político. A cúpula do PRB, que lançará Celso Russomanno, já manifestou, internamente, preocupação com o impacto da entrada de um outro nome popular da televisão na disputa pela prefeitura paulistana.
“Nós temos um mote claro, que é a segurança”, disse Olim. “O momento agora é de cautela e de começar a pensar em ações para apresentar á população”, concluiu.
Auxiliares do prefeito Fernando Haddad chegaram a ironizar a possibilidade de Datena ser candidato, mas agora precisam refazer suas apostas.

Dilma pede ajuda a microempresários para tirar jovens do crime


Dilma pede ajuda a microempresários para tirar jovens do crime


A presidente Dilma Rousseff (PT) pediu ajuda de microempresários para tirar jovens do crime organizado ao oferecer oportunidads de trabalho. O pedido foi feito nesta terça-feira (28), durante abertura de reunião de estruturação do programa Pronatec Jovem Aprendiz. "Aonde não há Estado, onde não há parceria, onde não há organização empresarial, a tendência é que as ações criminosas se desenvolvam e substituam as ações do Estado e da sociedade no sentido de incluir os jovens", dicursou a presidente. Esse é um dos argumentos do governo contra a redução da maioridade penal, de acordo com O Globo. Para justificar sua aposta no apoio de microempresários, Dilma usou a expressão do ministr da Micro e Pequena Empresa, Afif Domingos, de que "as micro e pequenas empresas são macrofamílias". "E é isso que nós queremos para os jovens, que tenham esse acolhimento em macrofamílias", afirmou. O Pronatec Jovem Aprendiz faz parte da segunda etapa do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego. Estudantes com mais de 15 anos poderão trabalhar em micro e pequenas empresas com subsídio do governo, que paga pela certificação do jovem e oferece às empresas impostos reduzidos na contratação. Segundo a presidente, o programa deve priorizar jovens residentes nas áreas mais violentas do país e deve utilizar o mesmo sistema do Bolsa Família, que faz uma busca ativa por beneficiários. O governo informou que o ivnestimento no Pronatec Jovem Aprendiz será de R$ 60 milhões, utilizados no pagamento de cursos de acompanhamento obrigatórios para os aprendizes. Inicialmente serão oferecidas 15 mil vagas. As empresas contratantes pagarão salário-hora mínimo, equivalente a meio salário mínimo para os jovens que trabalharem quatro horas por dia. Ao invés de 8% de FGTS, os empregadores pagarão 2%. O programa começará a partir de agosto e, segundo Afif, será oferecido às 81 cidades brasileiras com maior índice de criminalidade.

Compositor fala sobre 'esquecimento' de Pablo: 'O que importa é meu dinheiro'



Compositor fala sobre 'esquecimento' de Pablo: 'O que importa é meu dinheiro'


O cantor Pablo passou por uma saia justa durante uma entrevista para o Programa do Jô exibida na última sexta-feira (24) ao esquecer o nome do compositor do seu principal hit, "Porque Homem Não Chora". "Não sei se o Roni dos Teclados vai ficar contente", comentou Jô Soares depois do constrangimento. Contatado pelo Bahia Notícias, Roni, que é tecladista da banda Paixão Aguda, de Simões Filho, falou com o Bahia Notícias sobre o assunto. "Eu não vi a entrevista, mas o que importa é o meu dinheiro. Quem está lucrando é ele", disparou. O compositor lamentou que seu trabalho não tenha sido reconhecido durante a participação de Pablo no programa e alfinetou o intérprete.

"Na realidade, quando você faz um trabalho, o dinheiro muitas vezes é menos importante que o reconhecimento. Ele disse que não me conhece, é um direito dele, mas é uma música que estourou para o Brasil todo. Em outras emissoras, até no programa de Fátima Bernardes, ele disse que a música era 'de um amigo meu, Roni dos Teclados', mas lá [no Programa do Jô] não falou", disse. Durante a entrevista, Pablo ainda confessou que não entendia muito bem o que a letra da música significava. "Mas essa música tem contexto? Você canta e não sabe o que a música quer dizer, você não conhece o nome do compositor...", criticou Jô. Ao BN, Roni disse que não acredita que Pablo tenha esquecido de mencioná-lo. "Eu tenho outras músicas com Silvanno Salles, com a banda Colher de Pau, mas essa foi a que mais estourou. Não acho que tenha sido nervosismo dele lá na hora, que ele esqueceu, acho que ele não quis falar mesmo", concluiu o músico.

Governadores recusam ficar a reboque de Dilma



Governadores convidados para o encontro com Dilma nesta quinta articulam uma reunião prévia sem a presença da petista, iinforma Vera Magalhães, hoje na Folha de S.Paulo.
Segundo a colunista, eles querem unificar posições e estabelecer uma pauta comum a ser debatida, para não ficar "a reboque" da presidente.
"Governadores ficaram irritados com o que consideraram "ameaça" do Planalto, ao sugerir que a rejeição das contas de Dilma no TCU pode desencadear problemas a eles nos tribunais de contas estaduais.
Já a presidente tentará obter apoio dos convidados para barrar a chamada pauta-bomba do Congresso, que pode ter efeito-cascata nos Estados."

terça-feira, 28 de julho de 2015

POLÍCIA CIVIL APRESENTA SUSPEITOS DE PRATICAR GOLPES EM PETROLINA, CABROBÓ, LAGOA GRANDE-PE JUAZEIRO E EM SENHOR DO BONFIM, BA

Dez pessoas foram presas nos estados de Pernambuco e Bahia. Quadrilha se passava por empresa de Capanema na internet

A Polícia Civil apresentou, nesta segunda-feira, 27, no auditório da Delegacia-Geral, em Belém, os homens presos nos Estados de Pernambuco e da Bahia, acusados de integrar uma organização criminosa interestadual responsável por enganar, pelo menos, 100 vítimas em todo país, por meio de anúncios falsos de vendas de carros pela internet. A estimativa é de que o golpe tenha rendido mais de R$ 1 milhão ao grupo criminoso. Pelo menos, 100 contas bancárias diferentes foram utilizadas pela organização criminosa, em todo país, para receber dinheiro depositado pelas vítimas como valor de entrada da compra de carros que não existiam. As informações foram divulgadas em entrevista coletiva a jornalistas concedida pela delegada-geral adjunta da Polícia Civil, Christiane Ferreira, e delegados Bruno Brasil e Augusto Damasceno, de Capanema (PA), e Fernando Rocha, do Núcleo de Inteligência Policial da PC, que apresentaram detalhes da operação "Estrela", iniciada em novembro do ano passado, em Capanema.

Jovem de 22 anos é assassinado com tiro nas costas em Petrolina

Um jovem, de 22 anos, foi assassinado na noite desta segunda-feira (27) no bairro São Joaquim, em Petrolina.
Segundo informações da Polícia Militar, a vítima estava andando pelo bairro quando foi atingida. Ninguém conseguiu identificar os autores do assassinato. Apenas que chegaram em uma motocicleta atirando. Os disparos atingiram as costas do jovem, que morreu no local. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) do município. Não se sabe o que teria motivado o crime.

SALMO 91 PARA SUA MEDITAÇÃO


1 Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará. 2 Direi do Senhor: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei. 3 Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa. 4 Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel. 5 Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia, 6 Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia. 7 Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti. 8 Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios. 9 Porque tu, ó Senhor, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação. 10 Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda. 11 Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos. 12 Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra. 13 Pisarás o leão e a cobra; calcarás aos pés o filho do leão e a serpente. 14 Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome. 15 Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei. 16 Fartá-lo-ei com lonjura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.

Executivo da Andrade Gutierrez Energia é detido



O presidente Global da Andrade Gutierrez Energia, Flávio Barra, foi alvo da 16ª fase da Operação Lava Jato, na manhã de hoje, e teve prisão temporária decretada. Ele será levado para a superintendência da Polícia Federal em Curitiba.
A 16ª fase da Lava Jato, batizada de Radioatividade, mira contratos da Eletronuclear, estatal ligada à Eletrobras, e tem como base delação premiada feita por executivos da Camargo Corrêa. O principal ponto da ação indica suposta corrupção em contratos da Usina Nuclear de Angra 3.
No início deste ano, em delação premiada, o empreiteiro Dalton Avancini, diretor-presidente da Camargo Corrêa Construções e Participações, revelou a existência de cartel nas contratações e pagamentos relativos às obras da usina.
A Andrade Gutierrez integra o consórcio UNA 3, um dos vencedores para montagem da usina. Os contratos para execução da montagem eletromecânica da usina foram Angra 3 (Queiroz Galvão; Empresa Brasileira de Engenharia - EBE; e Techint Engenharia) e UNA 3 (Andrade Gutierrez; Norberto Odebrecht; Camargo Correa; e UTC Engenharia).
Avancini também citou em delação o nome do almirante Otthon Luiz Pereira da Silva, licenciado desde abril do cargo de diretor-presidente da Eletronuclear. O empreiteiro disse ter "ouvido dizer" que havia uma promessa de propina para o militar.
Barra, da Andrade Gutierrez, será levado para Curitiba. A prisão temporária tem prazo de cinco dias, podendo ser convertida pelo juiz responsável pelo caso, Sérgio Moro, em prisão preventiva. Desde o início da Operação, a Andrade Gutierrez tem reiterado que seus executivos não têm relação com a prática de atos ilícitos

O BLOG CHICO FERREIRA AGRADECE AO POVO DE CAMAÇARI PELO GRANDE NÚMERO DE ACESSOS

Sou filho de sobradinho, sai da cidade com 18 anos, como muitos jovens em busca de algo melhor para nossas famílias. Hoje tenho 26 anos, moro e trabalho em Camaçari-ba, cidade metropolitana a 25 km da capital(Salvador).
Toda minha família mora em sobradinho e sempre que posso, estou indo visitá-los, amo minha terra de coração. Estou cursando nível superior em Gestão Publica, quem sabe um dia posso estar fazendo algum tipo de trabalho para ajudar a todos sobradinhense. Gostaria de parabenizar você pelo blog, através dele mesmo longe, podemos acompanhar nossa cidade. Muito obrigado, qualquer ajuda necessária, estarei aqui no que for preciso.  (Eu Chico Ferreira  e  Maria Helena, agradecemos  a  vocês  de  Camaçari  pelos  acessos.  Somos  parceiros  do  deputado federal  Luiz  Caetano,  que  representa  está  linda  cidade  no  cenário  federal. Somos  parceiros  também  da  deputada  estadual  Luiza  Maia, o  nosso  obrigado a  todos  pelo carinho.

ARTIGO: POLÍTICA A ARTE DE SERVIR

Muita  gente  entra  na  política  com  a  finalidade  de  se  dá  bem  financeiramente. Nas campanhas  pregam  que  vão  defender  o  social, educação, segurança e  saúde. Depois  de  eleitos  desaparecem,  trocam  logo  o  número  do  celular  para  não  serem  incomodados.  Na  política  tem  dessas  coisas, mas  o  povo  está  ficando  cada  vez  mais  informado,  e  vai tirar de  uma vez  por  todas    da  vida  pública  quem  age  dessa  forma. A  corrupção  está  alarmante,  a  sociedade  não  suporta  mais  o  seu  dinheiro  sendo  desviado  para  outros  fins. Queremos  sim,  políticos  honestos, trabalhadores  e que defendam os  interesses do  povo de  maneira  correta e que invistam  o  erário  público  para  própria  população que precisa  de  uma  saúde  melhor,  educação e  finalmente  o que  for  necessário de bom para  o nosso  povo. (Texto: Maria  Helena)

Após clima de mal estar dentro do PSB, Gonzaga já fala até em ser candidato a prefeito de Petrolina em 2016




A indicação da executiva estadual do PSB pelo nome de Miguel Coelho para presidir a comissão provisória do partido em Petrolina caminha para ser a nova ferida aberta entre as principais lideranças socialistas na cidade.
Ainda ontem (27), Gonzaga Patriota – que era o presidente da comissão – expôs publicamente sua insatisfação, que até o momento era apenas especulada pela imprensa local.
Em declaração ao programa ‘Bom Dia Vale’, da Rádio Jornal Petrolina, Gonzaga disse não ter participado do encerramento do Chapéu de Palha da Fruticultura, no domingo (26), devido a uma audiência no Ministério da Agricultura. Mas deixou claro que a união dentro do partido, alardeada pelo próprio Miguel, é algo que dificilmente irá acontecer.
O deputado federal adiantou que até já se mobiliza para disputar novamente a Prefeitura de Petrolina. Também não poupou Fernando Bezerra Coelho (pai de Miguel) das críticas, afirmando que o senador tem “um projeto pessoal”, e não “político”, quando tenta emplacar o filho como candidato a prefeito. Ele disse ainda que pretende bater chapa com Miguel pelo comando definitivo do PSB na cidade, a exemplo do que fez em 2008 contra o deputado estadual Odacy Amorim (hoje no PT). Gonzaga assegurou, no entanto, que apesar de insatisfeito, não deverá deixar a legenda, como já havia dito o deputado estadual Lucas Ramos – outro que criticou a indicação de Miguel.

Gestores e ex-gestores acumulam débitos de R$ 642 mi com cofres municipais na Bahia



Gestores e ex-gestores acumulam débitos de R$ 642 mi com cofres municipais na Bahia

Levantamento disponível no site do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) aponta que prefeitos, presidentes de Câmara e gestores de órgãos públicos municipais acumulam débitos de mais de R$ 642 milhões em multas e ressarcimentos não realizados. Os débitos mais antigos registrados pelo órgão datam de 2000 e, segundo o TCM, não foram pagos aos cofres dos municípios. Deste total, R$ 602.421.979,08 referem-se a determinações para que os gestores devolvam valores mal empregados na gestão pública, a exemplo do ex-prefeito de Camaçari, Tude, condenado a devolver aos cofres da cidade mais de R$ 23 milhões, mesmo valor devido por Zedafó, ex-prefeito de Araci. Há casos ainda como do ex-gestor de Salvador, João Henrique Carneiro, que acumula quase R$ 6 milhões em ressarcimentos determinados pelo TCM e ainda não quitados de acordo com a Corte. E os débitos não pagos de ex-gestores atingem desde a capital até municípios menores, como Itapicuru, que amarga a pior posição baiana no Índice Desenvolvimento Humano (IDHM) de 2010 e não teve pagos aos cofres R$ 227 mil, com condenações do TCM entre 2005 e 2015 do ex-prefeito José Moreira de Carvalho Neto e de ex-presidente da Câmara de Vereadores. Clique aqui e veja a lista completa!

Odebrecht diz 'não ter motivos' para esclarecer anotações em celular



Odebrecht diz 'não ter motivos' para esclarecer anotações em celular

A defesa de Marcelo Odebrecht, preso desde 19 de junho sob suspeita de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa, abriu mão de explicar à Justiça Federal no Paraná, base da Operação Lava Jato, o sentido e o significado das anotações encontradas pela Polícia Federal em seu celular. Em petição entregue nesta segunda-feira (27) ao juiz federal Sérgio Moro, os advogados da maior empreiteira do país destacaram: "A defesa não tem motivos para esclarecer palavras cujo pretenso sentido Vossa Excelência já arbitrou". "Inútil falar para quem parece só fazer ouvidos de mercador", afirma a defesa da Odebrecht em petição de oito páginas entregue ao juiz que conduz todas as ações penais da Lava Jato . Intriga os investigadores uma sequência de registros no celular de Odebrecht que indicam suposta estratégia do empresário para eliminar provas da Lava Jato. São expressões abreviadas, muitas delas, nem sempre fáceis de se entender. Verdadeiros enigmas, na avaliação dos investigadores. Entre os termos encontrados pela Polícia Federal destacam-se as expressões 'dissidentes PF', 'trabalhar para parar/anular'. Os investigadores supõem que os termos denotam a estratégia de Marcelo Odebrecht de prejudicar o andamento da operação. "Em seu afã de incriminar Marcelo Odebrecht a todo custo (a PF) nem se deu ao trabalho de tentar esclarecer as anotações com a única pessoa que poderia interpretá-las com propriedade - seu próprio autor. Ao reverso, tomou desejo por realidade e precipitou-se a cravar significados que gostaria que certos termos e siglas tivessem", protestam os advogados do empreiteiro". "Houvesse tido a cautela que sua função exige, e a Polícia Federal teria evitado a barbaridade que, conscientemente ou não, acabou por cometer: levou a público segredos comerciais de alta sensibilidade em nada relacionados aos pretensos fatos sob apuração, expôs terceiros sem relação alguma com a investigação e devassou mensagens particulares trocadas entre familiares do peticionário, que logo caíram no gosto de blogs sensacionalistas", completa a petição. Inicialmente, o juiz deu 48 horas para a defesa explicar as citações, mas decidiu prorrogar o prazo até esta segunda, atendendo a uma solicitação dos próprios advogados que argumentaram a necessidade de se entrevistarem primeiro com o empresário na Custódia da PF em Curitiba. No documento entregue, eles voltam a criticar a nova ordem de prisão preventiva de Marcelo, decretada na última sexta (24), e dizem que a postura da PF ignora que há "indivíduos, famílias, empresas, finanças, obras e empregos em jogo"

Bandidos que assaltaram mercadinho de Carlinhos Paraíba em Sobradinho são mortos durante perseguição Policial



Segundo informações da Polícia Militar, os dois homens que assaltaram o comércio do radialista Carlinhos Paraíba, na tarde desta terça-feira (27), em Sobradinho, foram mortos durante perseguição. Após o assalto ao estabelecimento uma guarnição da Polícia Militar saiu em perseguição aos bandidos e ao serem abordados, um com uma pistola 380 e outro com um revólver, tentaram tomar a arma de um dos PMs que reagiu e atingiu os assaltantes.
Relata a ocorrência: Por volta das 15h, na estrada que dá acesso ao Balneário Chico Periquito, foi realizada uma abordagem pela GU composta pelo Sd Alencar (comandante e motorista) e e Sd Lucas (patrulheiro) a dois individuos suspeitos de assaltar o Mercadinho Central, onde um dos suspeitos, por nome Adailto, entrou em luta corporal com o Sd Alencar, chegando a sacar o revolver cal. 38 do colete do policial e a disparar duas vezes. Em resposta a reação do suspeito foram realizados quatro disparos pelo policial, atingindo-o no tórax e na cabeça, o suspeito que reagiu não resistiu e veio a óbito no local. O seu comparsa na tentativa de fuga fez menção de sacar arma de fogo e também foi alvejado no braço e no torax, sendo atendido pela SAMU no local e levado ao Pronto Atendimento. (Fonte: Blog Geraldo  José)

IGREJA UNIVERSAL S.O.S ORAÇÃO

74 -3536 1567 Ligue e peça sua oração (Postagem:   Maria  Helena)

Dilma critica ideia da reunião com FHC


Menos de uma semana após ministros do PT apoiarem uma aproximação entre governo e oposição, a presidente Dilma Rousseff criticou a ideia em reunião fechada, nesta segunda-feira (27). Em encontro com sua coordenação política, Dilma classificou a defesa pública do diálogo com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso de "absurda".
Ninguém citou nominalmente Edinho Silva (Secretaria de Comunicação Social) e Jaques Wagner (Defesa), mas o recado foi dirigido à dupla, que apoiou publicamente na semana passada a ideia de uma conversa entre o ex-presidente Lula e Dilma com FHC. Lula autorizou amigos em comum a procurar Fernando Henrique e propor uma conversa entre os dois sobre a crise política.
O objetivo imediato da aproximação seria buscar conciliadores que pudessem frear os líderes oposicionistas que defendem o impeachment de Dilma. Além de FHC, Lula também procurou o senador tucano José Serra (SP).
As declarações irritaram dirigentes petistas, principalmente após o ex-presidente tucano vir a público dizer que não é hora de conversar com o governo e que nenhuma agenda que não fosse pública pareceria "conchavo". (Da Folha de S.Paulo)

Dilma vai à luta



   
Após reunião da presidente Dilma Rousseff com os ministros que integram a coordenação política, o ministro Eliseu Padilha (Aviação Civil) afirmou que o governo irá para o "embate político" nas votações no Congresso Nacional. Padilha foi questionado sobre as chamadas pauta-bomba que o governo pode ter de enfrentar no segundo semestre, que são temas delicados para o Planalto, como projeto que muda a correção dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), passando de 3% para cerca de 6%.
O governo alega que o projeto afetará programas habitacionais, como o Minha Casa Minha Vida, e obras de saneamento básico, financiadas com recursos do fundo. O Governo também vai enfrentar a votação do projeto que reduz desonerações na folha de pagamento, que é defendido pelo Planalto, mas já teve a análise adiada no plenário da Câmara por falta de acordo.
Além disso, há debates polêmicos na pauta do Congresso, como redução da maioridade penal e o financiamento privado de campanha. "Temos que agir agora para que tenhamos condições, politicamente, de fazer com que a base, que é numericamente muito vantajosa, se posicione de forma majoritária nessas votações. Vamos para o embate político", afirmou.
Padilha argumenta que algumas pautas-bomba podem ter efeitos a serem "consumados por muito tempo", e não só no mandato da presidente Dilma Rousseff. "Queremos mostrar que a pauta-bomba não destrói o Governo. Ela destrói é a expectativa positiva de todos os brasileiros", disse.
Em reunião com o seu conselho político, Dilma analisou “o que virá” no início do segundo semestre no Congresso Nacional e assistiu a uma apresentação do ministro Nelson Barbosa sobre a revisão da programação fiscal do governo. Na semana passada, o governo anunciou a redução da meta fiscal para 2015, além de anunciar um novo corte no Orçamento.

segunda-feira, 27 de julho de 2015

PF e ministérios públicos solicitam informações sobre prefeituras baianas


PF e ministérios públicos solicitam informações sobre prefeituras baianas


Após o cumprimento de mandados de busca e apreensão em diversas prefeituras baianas, durante a Operação Águia de Haia, a Polícia Federal tem deixado alguns gestores preocupados. Segundo a coluna Tempo Presente, a PF fez 28 solicitações de informações ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) no primeiro semestre de 2015. O Ministério Público Federal (MPF) foi além, com 162 processos no órgão de controle externo, e o número de pedidos do Ministério Público Estadual chegou a 246 apenas nos primeiros seis meses do ano. De acordo com a coluna, os documentos requisitados visam verificar pontos como transcons, contratos com ONGs, prestações de contas, contratos de empresas e licitações.

Decisão rápida sobre mortes no Cabula pegou 'todos de surpresa', diz membro da OAB-BA


Decisão rápida sobre mortes no Cabula pegou 'todos de surpresa', diz membro da OAB-BA


O vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da seccional baiana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-BA), Eduardo Rodrigues, ao Bahia Notícias, afirmou que aguarda a publicação da decisão da juíza Marivalda Almeida Moutinho, que absolveu os nove policiais militares acusados de matar 12 pessoas em fevereiro deste ano, no Cabula, em Salvador, para que a entidade possa se posicionar. Saiba mais na coluna Justiça.

Lewandowski autoriza condenados no mensalão a passar ao semiaberto


Lewandowski autoriza condenados no mensalão a passar ao semiaberto


Condenados no processo do Mensalão, Simone Vasconcelos e José Roberto Salgado - ex-diretora da SMP & B e o ex-vice-presidente do Banco Rural, respectivamente - foram autorizados a cumprir pena no regime semiaberto pelo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Ricardo Lewandowski, na última sexta-feira (24). Lewandowski acolheu parecer favorável da Procuradoria-Geral da República para a progressão do regime prisional nos dois casos. O parecer de Simone é do dia 8 de julho e o do Salgado, do dia 14, de acordo com a Folha de S. Paulo. Simone foi condenada por formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, corrupção ativa e evasão de divisas, e a uma pena de 12 anos, sete meses e 20 dias de prisão, além do pagamento de multa de R$ 374 mil. José Roberto Salgado foi condenado a 16 anos e 8 meses de prisão e multa de R$ 926 mil pelos crimes de formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta de instituição financeira e evasão de divisas.

Cunha: covardia não entra no meu vocabulário



O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), se colocou à disposição para responder a qualquer pergunta em almoço com líderes empresariais em São Paulo. Cunha demonstrou confiança e disse, sem citar a Lava Jato, que não se intimidará por "acusações falsas". "A história não reserva lugar aos covardes. Covardia não faz parte do meu vocabulário", disse.
Ele é acusado pelo empresário Julio Camargo de lhe pedir pessoalmente o pagamento de US$ 5 milhões em propina durante um encontro que, segundo o delator, eles tiveram no Rio de Janeiro com a presença de Fernando Baiano.
Fazendo uma análise aos empresários, Cunha recapitulou sua crise com o governo e disse que "sem hegemonia eleitoral não se consegue hegemonia política". Sobre o resultado das eleições de 2014, com uma margem de diferença pequena entre Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB), o peemedebista disse que o resultado apertado, que não garantiu a hegemonia ao governo, apenas "foi uma vitória", sem ter trazido hegemonia.
Cunha acusou ainda o governo de "estimular a criação de partidos artificiais para tumultuar", em referência ao apoio de setores do governo à recriação do PL com o auxílio do ministro das Cidades, Gilberto Kassab (PSD).
Ele disse que o governo também precisa dizer onde quer chegar e negou ser candidato a algum posto nas eleições de 2016 ou 2018.

SOBRADINHO: O RADIALISTA CARLINHOS PARAÍBA E ASSALTADO E ALVEJADO COM DOIS TIROS

Segundo  informações  o  comerciante  e  radialista  Carlinhos  Paraíba,  foi  assaltado  e  alvejado  com  tiros que  chegaram  numa moto.   Tomamos  conhecimento  de  que  dois  elementos  não  identificados, entraram  no  estabelecimento  comercial  da  vítima,  e  disseram:  é  um  assalto,  Carlinhos  reagiu  e  recebeu dois tiros  de  arma  de  fogo. A  vítima  foi  encaminhada  para  um  hospital  em  Juazeiro.

Mais outro homicídio no Salitre, em Juazeiro


Ronaldo Rodrigues, 41 anos, que residia no povoado de Campos dos Cavalos, no Salitre, foi identificada como a 75ª vítima de homicídio no município de Juazeiro nestes sete meses de 2015.
Ele percorria a zona rural do município quando foi alvejado por vários disparos de arma de fogo. O corpo foi localizado na manhã deste domingo (26) e já foi transferido para o IML – Instituto Médico Legal pela equipe do DPT – Departamento de Polícia Técnica.
Não se sabe ainda as causas do homicídio, sendo que o corpo foi encontrado ao lado de uma motocicleta, ao lado da pista. A Polícia Civil abriu inquérito para investigar o caso.
Há poucos dias um outro homicídio foi registrado próximo ao mesmo local. (Fonte: Geraldo  José)

Pré-candidato à prefeito Fernando Dantas feliz da vida

IMG_20150710_111001314

Fernando Dantas
O pré-candidato à prefeito de Juazeiro Fernando Dantas (PCdoB) está igual a pinto no lixo, com uma alegria que parece nunca acabar com a cara larga de tanto rir. Pois bem, ele é secretário de Obras da administração Isaac Carvalho (PCdoB), e uma das prioridades de sua pasta era atender aos velhos reclames de moradores dos bairros de Piranga, e adjacências, referente a drenagem, saneamento e a pavimentação daquelas artérias.
Depois da secretaria de Educação, a que mais vem se destacando é a de Obras, e que promete muito mais durante os próximos meses.
Fernando é um dos nomes  mais fortes dentro do grupo comandado pelo prefeito Isaac para a disputar as eleições de outubro de 2016.

Ministro do TCU é acusado de receber dinheiro desviado de prefeitura, diz jornal


Ministro do TCU é acusado de receber dinheiro desviado de prefeitura, diz jornal


O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Vital do Rêgo (PMDB-PB), teria recebido dinheiro desviado da prefeitura de Campina Grande (PB) quando era candidato ao Senado. Segundo a Folha de S. Paulo, a denúncia foi feita pelo ex-tesoureiro da cidade paraibana, Rennan Trajano Farias, que alega também ter dado dinheiro ao irmão do ministro, o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB-PB), e a empresas que atuavam na campanha da família. Farias era diretor financeiro da Secretaria de Finanças e responsável pelo fluxo de caixa de Campina Grande, à época governada por Veneziano. De acordo com a matéria, ele afirma ter rompido com o ex-prefeito porque os Vital do Rêgo não reconheceram as dívidas que ele contraiu com agiotas para financiar a campanha do grupo. Após ser ameaçado de morte e tentar suicídio, o ex-tesoureiro passou a frequentar uma igreja evangélica e decidiu “tirar o peso da consciência”. "Eu participei e eu também devo e mereço receber a minha sentença para que eu possa, arrependido desses erros, buscar sair dessa prisão de consciência", disse. O dinheiro desviado supostamente partiu de um contrato feito com a empreiteira JGR para realizar obras "em diversas ruas de diversos bairros" da cidade. A empresa só teria uma secretária e não realizou os serviços. Os cheques eram, então, repassados para outras firmas, que sacavam o dinheiro e repassavam para Farias. O ex-teroureiro teria levantado, além dos desvios, cerca de R4 10 milhões para as campanhas da família. Em nota, o ministro do TCU negou ter recebido recursos de Farias e disse não ter relações de qualquer natureza com as pessoas citadas no referido e-mail".  Ele afirma ainda ter interpelado o acusador judicialmente em 2013 e disse que "fazer uso do foro competente não foi o interesse deste conhecido cidadão [Farias], que esquivou de se manifestar nos autos do referido processo de interpelação judicial. Aliás, este comportamento soa como subterfúgio de um cidadão que é notoriamente conhecido na Paraíba pela prática de atos reprováveis, como a transferência de recursos públicos para a sua conta pessoal (matéria veiculada pela mídia paraibana)".